Sunday, June 17, 2012

Americas South and North - On the Amazon's Reach into All Aspects of Life

A Look at History and Issues from Tierra del Fuego to the Arctic.
Olhar Voltado para História e Questões da Terra do Fogo ao Ártico.
On the Amazon’s Reach into All Aspects of Life
Acerca do Alcance, pela Amazônia, de Todos os Aspectos da Vida
June 8, 2012
8 de junho de 2012
When one mentions the Amazon, a large, forbidding jungle often pops into people’s minds, thanks in no small part to reports and popular imaginings of the Amazonian basin that date back at least to the first accounts of Spanish and Portuguese explorers in the region. However, the Amazon is much more than a massive jungle or river basin; indeed, while its environmental importance to the world cannot be overstated, it is much more complicated than a simplistic treatment as some exotic foreign place allows. The Amazon’s impact spreads beyond environment or biology to affect economics, business, politics, and society itself. To wit, I give you these four stories from just the past week:
Quando alguém menciona a Amazônia, amiúde acorre à mente das pessoas uma floresta grande e hostil, graças, em não pequena parte, a informações e fantasias populares da bacia amazônica que remontam a pelo menos as primeiras descrições dos exploradores espanhóis e portugueses da região. Entretanto, a Amazônia é muito mais do que uma grande floresta ou bacia hidrográfica; na verdade, embora sua importância ambiental para o mundo não possa ser enfatizada em excesso, ela é muito mais complicada do que um tratamento simplista que a veja como um exótico lugar longe no mundo possa revelar. O impacto da Amazônia espraia-se para além do ambiente ou da ecologia para afetar economia, negócios, política e a própria sociedade. A propósito, cito quatro artigos só da semana passada:
Clearly, this is quite a variety of stories here, ranging from national politics transnational economics, from biology to environmental engineering . At the same time, the ways in which these stories are phrased can lead to some confusion, particularly with regards to the last headline, which by the very way it’s structured seems to provide some positive news when compared to the first three stories. Taken together, it’s easy to see how people can find it difficult to understand the complexities of the Amazon. After all, based on the stories above, people who have illegally deforested have been pardoned (thus suggesting that those who work to destroy the forest will not be punished as severely as the law threatens); hundreds of species of birds are increasingly facing a risk of extinction, something that would absolutely affect biodiversity in the region; major corporations are indirectly contributing to deforestation; and yet, deforestation rates have reached a “record low”? That is a confusing picture indeed.
Claramente, são tratados, nesses artigos, temas muito variados, indo de política nacional a economia transnacional, de biologia a engenharia ambiental. Ao mesmo tempo, o palavreado usado nesses artigos pode levar a certa confusão, particularmente no tocante ao último título o qual, em virtude da própria maneira em que estruturado, parece dar notícia positiva quando comparado com os três primeiros artigos. Tomados os quatro artigos em conjunto, fica fácil ver como as pessoas podem achar difícil entender as complexidades da Amazônia. Afinal de contas, com base nos artigos acima, pessoas que desflorestaram ilegalmente foram perdoadas (o que sugere que aqueles que trabalham para destruir a floresta não serão punidos tão severamente quanto a lei ameaça); centenas de espécies de passaros estão enfrentando crescente risco de extinção, algo que sem dúvida afetaria a biodiversidade da região; grandes corporações estão contribuindo, indiretamente, para o desflorestamento; e, no entanto, as taxas de desflorestamento atingiram “baixa recorde”? É certamente um quadro de causar confusão.
But that’s the problem with reports on deforestation in the Amazon reaching “record lows”; the important part is not that the rates are low, but that deforestation is still going on at rates that damage the ecosystems and pose very real environmental problems for humans the world over in the years and decades to come.  Yet just the tone of the headline conveys some small sense of hope (perhaps false, perhaps not), creating no small amount of dissonance between the tone of the first three headlines and the fourth.
Sem embargo, eis o problema com relatos acerca de o desflorestamento na Amazônia atingir “baixas recordes”; a parte importante não é as taxas serem baixas, e sim o desflorestamento ainda estar continuando com taxas que deterioram os ecossistemas e representar problemas ambientais muito reais para os seres humanos de todo o mundo nos anos e décadas por vir. No entanto, o próprio tom do título transmite certa pequena sensação de esperança (talvez falsa, talvez não), criando não pouca dissonância entre o tom dos três primeiros artigos e o do quarto.
Still, if one wants to understand just how complicated the Amazon is and how little we still understand about its past, present, and future, one need not look much further than not look much further than those headlines to understand just how complex the Amazonian basin is and just how much it affects not only biodiversity, but business, politics, culture, and societies in South America and beyond.
Ainda assim, se alguém quiser entender o quanto a Amazônia é complicada e quão pouco ainda entendemos acerca de seu passado, de seu presente e de seu futuro, não precisará ir muito além desses títulos para compreender o quanto a bacia amazônica é complexa e o quanto ela afeta não apenas a biodiversidade, mas os negócios, a política, a cultura e as sociedades na America do Sul e em outras partes do mundo.

No comments:

Post a Comment