Thursday, February 2, 2012

Brazil's Authoritarian Experience: 1964-1985; A Study of a Conflict


ENGLISH
PORTUGUÊS
BRAZIL'S AUTHORITARIAN EXPERIENCE: 1964-1985; A STUDY OF A CONFLICT
EXPERIÊNCIA AUTORITÁRIA NO BRASIL: 1964-1985; ESTUDO DE UM CONFLITO
CONFLICT RESEARCH CONSORTIUM
CONSÓRCIO DE PESQUISA DE CONFLITOS
Working Paper #95-1, September, 1995
Versão Preliminar #95-1, Setembro de 1995
By Tracy Ann Breneman
Por Tracy Ann Breneman
Department of Sociology
Departamento de Sociologia
University of Colorado, Boulder
Universidade do Colorado em Boulder
This paper was written with a small grant from the Conflict Resolution Consortium, University of Colorado. Funding for the Consortium and its Small Grants Program was provided by the William and Flora Hewlett Foundation. The statements and ideas presented in this paper are those of the author and do not necessarily represent the views of the Conflict Resolution Consortium, the University of Colorado, or the William and Flora Hewlett Foundation. For more information, contact the Conflict Resolution Consortium, Campus Box 327, University of Colorado, Boulder, Colorado 80309-0327. Phone: (303) 492-1635, e-mail: crc@cubldr.colorado.edu.
Este artigo foi escrito com pequena doação do Consórcio de Resolução de Conflitos da Universidade do Colorado. O financiamento para o Consórcio e para seu Programa de Pequenas Doações foi proporcionado pela Fundação William e Flora Hewlett. As afirmações e ideias apresentados neste artigo são da autora e não necessariamente representam os pontos de vista do Consórcio de Resolução de Conflitos, da Universidade do Colorado ou da Fundação William e Flora Hewlett. Para mais informação, entre em contto com o Consórcio de Resolução de Conflitos, Campus Box 327, Universidade do Colorado, Boulder, Colorado 80309-0327. Fone: (303) 492-1635, e-mail: crc@cubldr.colorado.edu.
Copyright (C) 1995. Tracy Ann Breneman. Do not reprint without permission.
Copyright (C) 1995. Tracy Ann Breneman. Não reproduza sem permissão.
Originating violence has its roots in the elite institutions of power, in a social structure that protects the interests of the dominant groups, and in the extreme right, which will not tolerate any social change out of fear of losing its privileged status. As a result, many countries of the Third World are in the grips of state terrorism. Those who oppose the interests of capital or of the totalitarian state find themselves monitored, imprisoned, tortured, "disappeared" or assassinated.
A originação de violência tem suas raízes nas instituições de elite de poder, numa estrutura social que protege os interesses dos grupos dominantes, e na extrema direita, que não tolera nenhuma mudança social por temor de perder sua condição privilegiada. Como resultado, muitos países do Terceiro Mundo estão nas garras do terrorismo de estado. Aqueles que se opõem aos interesses do capital ou do estado totalitário veem-se vigiados, presos, torturados, "desaparecidos" ou assassinados. 
- Frei Leonardo Boff, O.F.M., in Relentless Persistence: Nonviolent Action in Latin America.
- Frei Leonardo Boff, O.F.M., em Persistência Inconsequente: Ação Não Violenta na América Latina.
Throughout the ten years of its existence, Amnesty International has observed with horror that there has been a growing tendency throughout the world for governments to authorize or condone the use of torture, or cruel, inhuman or degrading treatment. There are several countries where, within a period of a few years, the use of torture, at the outset sporadic and exceptional, has become an invariable routine part of any interrogation. Amnesty International has been concerned for some time that such a situation has come to exist in Brazil.
Ao longo dos dez anos de sua existência, a Anistia Internacional tem observado com horror haver crescente tendência em todo o mundo de os governos autorizarem ou serem coniventes com o uso da tortura, ou de tratamento cruel, desumano ou degradante. Há diversos países onde, em período de poucos anos, o uso de tortura, de início esporádico e excepcional, tornou-se invariável parte rotineira de qualquer interrogatório. A Anistia Internacional há algum tempo está preocupada com tal situação ter vindo à existência no Brasil.
- Amnesty International's Report on Allegations of Torture in Brazil
- Relatório da Anistia Internacional acerca de Alegações de Tortura no Brasil
History
História
In 1964 the Brazilian military conducted what it referred to as a revolution, opponents called it a coup. Whichever term is used, the military assumed political power in Brazil and stayed there, formally, for twenty years. During this time it engaged in the horrifying and inhuman physical repression of those it considered subversives, a common attitude among the Latin American dictatorships of this period, but not restricted to this period. Physical violence was not unknown to "marginals" arrested for common acts of thievery or murder even before the military government took power. However, during this period, none, no matter what his or her socio-economic standing, escaped the horrors of power-wielding torturers. What could have been the reasoning and legitimacy for such acts?
Em 1964 a instituição militar brasileira levou a efeito o que chamou de revolução, e os opositores chamaram de golpe. Qual dos termos seja usado, a instituição militar assumiu o poder político no Brasil e lá permaneceu, formalmente, por vinte anos. Durante esse tempo engajou-se na horripilante e desumana repressão física daqueles que considerou subversivos, atitude comum entre as ditaduras latino-americanas do período, mas não restrita a tal período. A violência física não era desconhecida em relação a "marginais" presos por atos comuns de furto ou homicídio mesmo antes de o governo militar tomar o poder. Entretanto, durante esse período, ninguém, independentemente de sua condição socioeconômica, escapou dos horrores dos torturadores que detinham o poder. Qual poderia ter sido o raciocínio e a legitimidade em relação a esses atos?
What led to the Revolution1 of 1964 could be defined in political terms. Cuba had just fallen to a socialist revolution and the United States was determined to prevent the "threat of communism" from spreading throughout the western hemisphere.
O que levou à Revolução1 de 1964 poderia ser definido em termos políticos. Cuba havia acabado de cair em decorrência de uma revolução socialista e os Estados Unidos estavam decididos a impedir que a "ameaça do comunismo" se espalhasse pelo hemisfério ocidental.
Economic policy and capitalist development were also factors in 1964. Brazil's two civilian presidents before the military takeover had actively pursued nationalist policies, to the detriment of multinational investment in Brazil. President Joao Goulart2, had imposed restrictions on multinational investment and pursued a nationalist policy of supporting and subsidizing private national capital not associated with foreign capital. These nationalist policies, and an emphasis on social programs, led to the rapid organization of the working class; this threatened the upper class, which had never before made even minimal concessions regarding wages, working conditions or trade union organization (Alves, 1985). This provided justification for the military to step in before these newly organized groups made demands that would be incompatible with a system of dependent capitalist development.
Política econômica e desenvolvimento capitalista foram também fatores em 1964. Os dois presidentes civis brasileiros antes da tomada do poder pelos militares haviam perseguido ativamente políticas nacionalistas, em detrimento do investimento multinacional no Brasil. O Presidente João Goulart2 impusera restrições ao investimento multinacional e perseguia uma política nacionalista de apoiar e subsidiar capital privado nacional não associado a capital estrangeiro. Essas políticas nacionalistas, e ênfase em programas sociais, levaram à rápida organização da classe trabalhadora; isso ameaçava a classe alta, que nunca houvera antes feito sequer concessões mínimas em relação a salários, condições de trabalho ou organização de sindicatos (Alves, 1985). Isso forneceu justificativa para a instituição militar a envolver-se antes que aqueles grupos recentemente organizados fizessem exigências que seriam incompatíveis com um sistema de desenvolvimento capitalista dependente.
The military's intervention toppled a system that would have led to serious losses for national and multinational capital. Alves (1985) notes that dependent development and its associated national and international interests provided the necessary context for the military's revolution. Brazil's development could be characterized by dependency based on an economic tripod: an alliance of private national capital, state capital and international capital. Multinational capital for Brazil's form of capitalism was essential.3 Economic and political issues moved the military to assume power in Brazil, in support of capitalist development - to promote the "first world" marriage of democracy and capitalism. Ironically, in the name of democracy, an authoritarian regime was established.
A intervenção militar subverteu um sistema que teria levado a sérios prejuízos para o capital nacional e multinacional. Alves (1985) observa que o desenvolvimento dependente e os interesses a ele associados, nacionais e internacionais, ofereceram o contexto necessário para a revolução da instituição militar. O desenvolvimento do Brasil podia ser caracterizado por dependência baseada num tripé econômico: aliança de capital nacional privado, capital estatal e capital internacional. Para a forma de capitalismo do Brasil, o capital multinacional era essencial.3 Questões econômicas e políticas impeliram a instituição militar a assumir o poder no Brasil, em apoio ao desenvolvimento capitalista - a promover o casamento de "primeiro mundo" entre democracia e capitalismo. Ironicamente, em nome da democracia foi estabelecido um regime autoritário.
The period during which the military governed Brazil must be characterized by the dynamic succession in which events occurred and actors emerged. What transpired during those twenty years can only be understood as a sequence of events occurring in response to other events. Significant political moments, such as the transition from one military President to another, determined new, repressive government policies; these government policies led to specific forms of public opposition, which in turn led to an ever more repressive government response. Furthermore, the military had no blueprint for government, which ultimately left economics in the lead of politics.
O período durante o qual a instituição militar governou o Brasil precisa ser caracterizado pela sucessão dinâmica na qual os eventos ocorreram e os atores emergiram. O que transpirou durante aqueles vinte anos só pode ser compreendido como uma sequência de eventos que ocorreram em reação a outros eventos. Momentos políticos importantes, tais como a transição de um Presidente militar para outro, determinaram novas políticas repressivas do governo; essas políticas de governo levaram a formas específicas de oposição do público o que, por sua vez, levou a reação cada vez mais repressiva do governo. Ademais, a instituição militar não dispunha de um plano detalhado de governo, o que em última análise colocou a economia na liderança da política.
Opposition and Government Control
Oposição e Controle do Governo
The authoritarian period can be divided into stages which correspond generally to presidential terms and specifically to the cycles of repression. These periods are: 1964, when the military revolution/coup took place; 1965-1968 during which time the apparatus of repression was consolidated; 1969-1974 when repression and torture reached their heights and Brazil experienced the so-called "economic miracle"; and 1974-1985, the period of gradual liberalization and democratization. The purpose in establishing these periods is to more clearly define the positions of the government and opposition, their evolution and relative success. For each period, the main parties, their interests and goals, and the corresponding cycle of action-reaction will be addressed.
O periodo autoritário pode ser dividido em estágios que correspondem de modo geral a mandatos presidenciais e de modo específico aos ciclos de repressão. Esses períodos são: 1964, quando teve lugar a revolução/o golpe militar; 1965-1968, período durante o qual o aparato da repressão foi consolidado; 1969-1974 quando a repressão e a tortura atingiram o ápice e o Brasil experimentou o assim chamado “milagre econômico”; e 1974-1985, o período de liberalização e democratização gradual. O objetivo de estabelecer esses períodos é definir mais claramente as posições de governo e oposição, sua evolução e sucesso relativo. Para cada periodo, as principais partes, seus interesses e metas, e o correspondente ciclo de ação-reação serão tratados.
Actors, active in primary or secondary roles at different times during the conflict, were:
Atores, ativos em papéis principais ou secundários em diferentes épocas durante o conflito, foram:
Government
Governo
1) Military
1) Instituição militar
1A) "duristas" - the hard line
1A) "duristas" – a linha dura
1B) "castelistas" (after Castelo Branco, the first military President) - those interested in maintaining the stated goals of the Revolution, eventual liberalization
1B) "castelistas" (de Castelo Branco, o primeiro Presidente militar) – aqueles interessados em manter as metas enunciadas da Revolução, liberalização final
2) ARENA (Alianca Renovadora Nacional) - party of the government
2) ARENA (Aliança Renovadora Nacional) – partido do governo
3) Right-wing death squads, torturers - groups which originated in the late 1950's: official, unofficial, military, civilian
3) Direitistas – esquadrões da morte, torturadores – grupos originados no final dos anos 1950; oficiais, não oficiais, militares, civis
4) Technocrats - economic policy-makers
4) Tecnocratas – formuladores de políticas econômicas
5) National private economic elite
5) Elite econômica nacional privada
Foreign Support and Opposition
Apoio e Oposição Estrangeiros
6) Foreign investors and lenders
6) Investidores e emprestadores estrangeiros
7) United States government
7) Governo dos Estados Unidos
National Opposition
Oposição Nacional
8) Student movement
8) Movimento estudantil
9) Labor unions
9) Sindicatos de trabalhadores
10) Catholic Church
10) Igreja Católica
10A) Progressives - against government repression
10A) Progressistas – contra repressão do governo
10B) Conservatives - right-wing, denounced "subversives"
10B) Conservadores – direita, denunciava "subversivos"
10C) Moderates - wanted to avoid a political position, but denounced torture of progressive clergy
10C) Moderados – desejavam evitar posição política, mas denunciavam a tortura infligida ao clero progressista
11) MDB (Movimento Democratico Brasileiro) - institutional opposition, umbrella abridging liberals to communists, the only legal opposition party
11) MDB (Movimento Democrático Brasileiro) – oposição institucional, guarda-chuva abrangendo de liberais a comunistas, único partido legal de oposição
12) Guerrilla insurgency
12) Insurgência guerrilheira
12A) PCB (Partido Comunista Brasileiro) - nonviolent resistance
12A) PCB (Partido Comunista Brasileiro) – resistência não violenta
12B) non PCB - backbone of armed resistance, Maoist or Trotskyist groups, radical Catholic or student guerrilla groups
12B) não PCB – espinha dorsal da resistência armada, grupos maoístas ou trotskyistas, católicos radicais ou grupos de guerrilha de estudantes
1964 – Actors and Interests
1964 – Atores e Interesses
Military. At this point, their objective was to secure power and redirect the nation according to certain political and economic goals focused on economic growth.
Instituição militar. Nesse momento, o objetivo dela era garantir o poder e redirecionar a nação de acordo com certas metas políticas e econômicas focadas em desenvolvimento econômico.
National private economic elite. Their goal was to prevent the nationalization of certain sectors which would result in the loss of private national capital and international capital.
Elite econômica privada nacional. Seu objetivo era impedir a nacionalização de certos setores a qual redundaria em perda de capital privado nacional e de capital internacional.
United States. The motivating force behind U.S. policy was the prevention of the spread of communism through the western hemisphere after the fall of Cuba.
Estados Unidos. A força motivadora por trás da política dos Estados Unidos era a prevenção da disseminação do comunismo pelo hemisfério ocidental depois da queda de Cuba.
In the first days after the Revolution, the military institutionalized the system it would need to maintain control. A new constitution was drawn up, and subsequent Institutional Acts would address resistance with new mechanisms of repression. Authority was defined as coming not from the people but from the de facto exercise of power, although they claimed that their move to power was motivated by the need to redirect Brazil away from the communist path, back to democracy (democratization through authoritarianism). Institutional Act #1 was designed to give the new Executive the power it needed to carry out the "'economic, financial, political, and moral reconstruction of Brazil.' The objective was 'restoration of internal order and the international prestige of our country.'" (Skidmore, 1988). In this initial stage the military sought to prove to the U.S. and international aid agencies that Brazil was once again committed to a "free world" economy.
Nos primeiros dias depois da Revolução, a instituição militar institucionalizou o sistema do qual precisaria para manter controle. Foi escrita nova constituição, e Atos Institucionais subsequentes permitiriam o enfrentamento da resistência com novos mecanismos de repressão. A autoridade foi definida não como vindo do povo, mas do exercício de fato do poder, embora os militares alegassem que seu movimento rumo ao poder era motivado pela necessidade de redirecionar o Brazil para fora da vereda comunista, de volta à democracia (democratização por meio do autoritarismo). O Ato Institucional Número 1 foi concebido para dar ao novo Executivo o poder de que necessitava para levar a efeito “’reconstrução econômica, financeira, política e moral do Brasil.’ O objetivo era ‘restauração da ordem interna e do prestígio internacional de nosso país.’” (Skidmore, 1988). Nesse estágio inicial a instituição militar procurou provar aos Estados Unidos e aos órgãos de ajuda internacional que o Brasil estava de novo comprometido com uma economia de “mundo livre”. 
Castello Branco was the first of the military presidents, finishing out the term of the ousted civilian president. It was made clear that they chose to maintain a constitution, elections and the national Congress, although seriously restricted. A contradiction was immediately apparent between their declared goals to restore democracy and need for the apparatus of repression to eliminate opposition. The military quickly began to purge intellectuals and politicians who had been closely tied to the pre-1964 government, and others supposedly leading Brazil to communism. Targets included the progressive members of the Catholic Church and its youth organizations, the leftist political parties, urban and rural labor organizations, and academics and political activists. Torture for information and confession began with these groups. Opposition to the military grew during this time as the military completed a list of almost   5,000 enemies of the state. (Alves, 1985). Even given this use of force, there was initial support for the coup including most of the media, the Catholic Church, the Federal Bar Association, national economic elite, and the U.S. government.
Castello Branco foi o primeiro dos presidentes militares, terminando o mandato do presidente civil forçado a deixar o poder. Foi deixado claro que eles optaram por manter uma constituição, eleições e o Congresso nacional, embora seriamente restringidos. Ficou imediatamente visível uma contradição entre as metas por eles declaradas de restaurar a democracia e a necessidade do aparato de repressão para eliminar a oposição. A instituição militar começou rapidamente a expurgar intelectuais e políticos que haviam estado estreitamente vinculados ao governo anterior a 1964, e outras pessoas que supostamente conduziam o Brasil para o comunismo. Entre os alvos incluíam-se os membros progressistas da Igreja Católica e suas organizações de jovens, os partidos políticos esquerdistas, organizações trabalhistas urbanas e rurais, e ativistas acadêmicos e políticos. A tortura para informação e confissão começou com esses grupos. A oposição aos militares aumentou durante essa época, enquanto os militares completavam uma lista de quase 5.000 inimigos do estado. (Alves, 1985). Mesmo dado esse uso da força, houve apoio inicial ao golpe que incluiu a maior parte da mídia, a Igreja Católica, a Associação Federal de Advocacia, a elite econômica nacional, e o governo dos Estados Unidos.
1965-1968 – Actors and Interests
1965-1968 – Atores e Interesses
Military. At this stage they were investing heavily in austere economic measures aimed at stabilizing and developing Brazil. The military worked on repressing opposition to present the image of a country under control, while it counted on the technocrats to implant measures that would bring inflation under control and attract foreign investors and lenders.
Instituição militar. Nesse estágio investiu pesadamente em medidas econômicas austeras voltadas para estabilizar e desenvolver o Brasil. A instituição militar diligenciou em reprimir a oposição para apresentar a imagem de um país sob controle, enquanto contava com os tecnocratas para implantar medidas que colocariam a inflação sob controle e atrairiam investidores e emprestadores estrangeiros.
ARENA. Before Congress was closed, members of this party enjoyed the protection of the government and comfortable assignments.
ARENA. Antes de o Congresso ser fechado, membros desse partido gozavam da proteção do governo e atribuições confortáveis.
Technocrats. With the tight control the military could exercise over the country, they implanted economic measures designed to cut real wages and boost the gains of national elites. Economic stabilization was the main goal.
Tecnocratas. Com o controle estrito que a instituição militar podia exercer sobre o país, implantaram medidas econômicas concebidas para cortar os salários reais e aumentar os ganhos das elites nacionais. A meta principal era a estabilização econômica.
United States. Concern was expressed about the restriction of democratic institutions, but the U.S. still supported the military government.
Estados Unidos. Expressaram procupação com a restrição das instituições democráticas, mas os Estados Unidos ainda assim apoiavam o governo militar.
MDB. Until Congress was closed in December 1968, the MDB was the only legal opposition party. Division within the MDB arose during this time as to whether the party should participate in the facade of military controlled elections.
MDB. Até o Congresso ser fechado em dezembro de 1968, o MDB era o único partido legal de oposição. Surgiu divisão interna ao MDB durante essa época, no tocante a se o partido deveria ou não participar da fachada de eleições controladas pela instituição militar.
Student opposition movement. With purges of professors and educational programs, students began to organize and protest, inspired by the worldwide student movements of this period. The military saw them as a tremendous threat and cracked down on demonstrations, which drove some underground to continue fighting against injustice and restricted mobility and voice.
Movimento de oposição estudantil. Com expurgos de professores e programas educacionais, estudantes começaram a organizar-se e a protestar, inspirados pelos movimentos de estudantes no mundo todo nesse período. A instituição militar os viu como tremenda ameaça e esmagou as manifestações, o que impeliu alguns estudantes para a clandestinidade a fim de continuarem lutando contra a injustiça e mobilidade e voz restringidas.
Labor union opposition. As wages were cut, labor unions began to protest and strike. As they were newly formed, many did not have the organization to be entirely effective. The government quickly enacted laws against striking and labor unions in general.
Oposição de sindicatos de trabalhadores. Ao os salários serem cortados, os sindicatos de trabalhadores começaram a protestar e a fazer greve. Recentemente formados, muitos não tinham organização para ser inteiramente eficazes. O governo rapidamente aprovou leis contra greves e sindicatos de trabalhadores em geral..
Catholic Church. A consistent voice against injustice and torture. There were internal divisions as to the extent to which the Church should actively protest. It became directly involved when student protesters were protected by the Church after police attacked them during a demonstration.
Igreja Católica. Voz sistemática contra injustiça e tortura. Havia divisões internas quanto até que ponto a Igreja deveria protestar ativamente. Ela se envolveu diretamente quando manifestantes estudantes foram protegidos pela Igreja depois de a polícia tê-los atacado durante uma manifestação.
Guerrilla insurgency. They began conducting sporadic acts of violence and proved to be an unacceptable challenge to the military.
Insurgência guerrilheira. Começou a conduzir atos esporádicos de violência e veio a ser considerada provocação inaceitável à instituição militar.
During the second stage of the authoritarian period, 1965- 1968, the purges were completed and the military continued implanting the structures necessary for control. In an attempt to continue to appear at least structurally democratic, direct elections were maintained; although the Inelegibilities Act was introduced to bar candidates deemed opponents of the Revolution. In 1965 an attempt at semi-democratic rule backfired when two prominent members of the opposition were elected to important governorships. When President Castello Branco maintained they would assume office, a "coup within the coup" developed which threatened to depose him and consolidated the strength of the hard line military. As a compromise, Castello Branco issued the Institutional Act #2 which abolished political parties (creating a two-party system consisting of the ARENA and the MDB) and suspended direct elections of governors (Skidmore, 1988).
Durante o segundo estágio do período autoritário, 1965-1968, os expurgos foram completados e a instituição militar continuou a implantar as estruturas necessárias para controle. Numa tentativa de continuar a parecer pelo menos estruturalmente democrática, foram mantidas eleições diretas; foi contudo a Lei de Inelegibilidades para impedir candidatos considerados oponentes da Revolução. Em 1965 saiu pela culatra tentativa de governo semidemocrático, quando dois preeminentes membros da oposição foram eleitos para importantes cargos de governador. Quando o Presidente Castello Branco manteve que eles tomariam posse, desenvolveu-se um “golpe dentro do golpe” o qual ameaçou depô-lo e consolidou a força da linha dura na instituição militar. Como concessão, Castello Branco emitiu o Ato Institucional Número 2, o qual aboliu os partidos políticos (criando um sistema de dois partidos consistente em ARENA e MDB) e suspendeu eleições diretas de governadores (Skidmore, 1988).
By 1967, the second military president, Costa e Silva still had hopes to humanize the Revolution. When he fell ill, the duristas prevented the vice president from taking office. They seized the opportunity to install one of their candidates and promptly enacted measures to give him a five-year term. In 1968, Institutional Act #5 would close the national and state Congresses indefinitely, suspend all legal opposition, establish decree rule, and give the president broad emergency powers. Official censorship was decreed later that year, outlawing criticism of any Institutional Act or member of the armed forces, it also prohibited news of workers' or student movements.4 
Ao chegar 1967, o segundo presidente militar, Costa e Silva, ainda tinha esperança de humanizar a Revolução. Quando caiu doente, os duristas impediram o vice-presidente de assumir o cargo. Aproveitaram a oportunidade para empossar um de seus candidatos e prontamente aprovaram medidas para conceder-lhe mandato de cinco anos. Em 1968, o Ato Institucional Número 5 fecharia os Congressos nacional e estaduais por tempo indefinido, suspenderia toda oposição legal, estabeleceria o governo por decreto, e daria ao presidente amplos poderes de emergência. Naquele mesmo ano, mais tarde, foi decretada censura oficial, tornando ilegal crítica a qualquer Ato Institucionl ou a membro das forças armadas; também proibiu notícias acerca de movimentos de trabalhadores ou estudantes.4
Opposition to military repression became much more prominent. University students were leading protest marches with the purges of professors and educational programs. Inspired by the worldwide student protests of this period, they were seen as a tremendous threat. Sectors of the Catholic Church began to speak out against injustice and torture, and sheltered those blacklisted. Middle class and church involvement at this stage was more focused on securing the right to protest rather that the right to openly organize. This was also the beginning of dissent among the elite sectors.
Oposição à instituição militar tornou-se muito mais proeminente. Estudantes universitários promoveram marchas de protesto com o expurgo de professores e programas educacionais. Inspirados pelos protestos estudantis em todo o mundo nesse período, eles eram vistos como tremenda ameaça. Setores da Igreja Católica começaram a falar abertamente contra injustiça e tortura, e a dar abrigo aos incluídos na lista negra. O envolvimento, nesse estágio, da classe média e da igreja focava-se mais em assegurar o direito de protestar do que no direito de organizar-se abertamente. Foi também o começo da discordância entre os setores da elite.
In 1966 the national security state laid the foundation for the economic model, which established wage controls and incentives for multinational investment. The austere economic programs earned praise and financial support from the U.S. and U.S. based aid agencies. Inflation was falling and economic technocrats enjoyed political protection to employ more orthodox economic programs. Real wages were dramatically cut, foreign investment was granted concessions and the public sector was growing increasingly critical. These programs actually served to increase activity and membership in groups such as the student organizations and labor unions. Furthermore, various guerrilla groups were beginning to conduct minor terrorist attacks, which included strategic bombings.
Em 1966 o estado de segurança nacional assentou os fundamentos do modelo econômico, que estabelecia controle de salários e incentivos para investimento multinacional. Os austeros programas econômicos ganharam elogios e apoio financeiro dos Estados Unidos e de órgãos de ajuda sediados nos Estados Unidos. A inflação caía e os tecnocratas econômicos gozavam de proteção política para deflagrar mais programas econômicos ortodoxos. Os salários reais foram cortados dramaticamente, o investimento estrangeiro ganhou concessões, e o setor público tornava-se cada vez mais crítico. Esses programas, em realidade, serviram para aumentar atividade e filiação a grupos tais como as organizações de estudantes e os sindicatos de trabalhadores. Ademais, diversos grupos guerrilheiros começavam a efetuar pequenos ataques terroristas, que incluíam bombas estratégicas.
1969-1974 – Actors and Interests
1969 – 1974 – Atores e Interesses
Military. The duristas, in power at this stage, were confirming their position that Brazil could not achieve economic growth under an open political system, and were more determined than ever to prevent the castelistas any access to power. Stability was defined as the absence of serious opposition. The military-technocrat alliance was more important than ever before.
Instituição militar. Os duristas, no poder nesse estágio, confirmaram sua posição de que o Brasil não poderia atingir crescimento econômico em sistema político aberto, e estavam mais decididos do que nunca a impedir que os castelistas tivessem qualquer acesso ao poder. Estabilidade era definida como ausência de oposição política séria. A aliança militar-tecnocrata era mais importante do que jamais antes.
Technocrats. With Executive protection they were able to gain control over national development funds, reducing resources for the underdeveloped regions and maximizing foreign investment regardless of the regional effects. Their goal at this stage was to move from stabilization to economic development with the aid of massive international investment and loans.
Tecnocratas. Com proteção do Executivo conseguiram obter controle dos fundos para desenvolvimento nacional, reduzir recursos para as regiões subdesenvolvidas e maximizar investimento estrangeiro independentemente dos efeitos regionais. Sua meta, nesse estágio, era a mudança da estabilização para o desenvolvimento econômico com ajuda de investimento e empréstimo internacional maciço.
Foreign investors. Potential investors were being attracted to the apparent stability of the political system and the growth and opportunities of the economic system.
Investidores estrangeiros. Investidores em potencial eram atraídos pela aparente estabilidade do sistema político e o crescimento e as oportunidades do sistema econômico.
United States. For the first five months of 1969 the U.S. froze new U.S. aid commitments because of worries over the "authoritarian turn" of the military. Aid was resumed in mid-1969 not because human rights improved, but because Brazil was reaching economic stability to the point that it was creating a shift in bargaining power and could take its own dollars elsewhere.
Estados Unidos. Durante os cinco primeiros meses de 1969 os Estados Unidos congelaram novos ajuda e comprimissos estadunidenses por causa de preocupação com a “guinada autoritária” da instituição militar. A ajuda foi retomada em meado 1969 não por os direitos humanos terem melhorado, mas porque o Brasil atingiu estabilidade econômica a ponto de criar mudança no poder de barganha e poder usar seus próprios dólares em outra parte.
Amnesty International. A.I. denounced Brazilian torture in December 1969, supported by other international organizations and foreign governments. In August 1970 Brazil created a Human Rights Council to hear alleged violations, subordinate to the military Justice Minister who promptly denied all charges.
Anistia Internacional. A A.I. denunciou tortura no Brasil em dezembro de 1969, apoiada por outras organizações internacionais e governos estrangeiros. Em agosto de 1970 o Brasil criou um Conselho de Direitos Humanos para ouvir de alegadas violações, subordinado ao Ministro da Justiça militar que prontamente negou todas as acusações.
Right-wing death squads. These groups, originating in the late 1950's, were active especially during this time to quiet the opposition, while enjoying the protection of the military hierarchy.
Esquadrões da morte direitistas. Esse grupos, tendo-se originado no final dos anos 1950, foram ativos especialmente durante essa época para aquietar a oposição, gozando da proteção da hierarquia militar.
Catholic Church. In the environment of acute repression the Church provided the only institutional center of opposition, due largely to mobilization of contacts abroad (the Vatican, and clergy and human rights activists in the U.S. and Europe) which brought foreign criticism against the military. Even so, many clergy were detained and tortured during this time.
Igreja Católica. No ambiente de aguda repressão a Igreja representava o único centro institucional de oposição, largamente em função de mobilização de contatos no exterior (o Vaticano e clero e ativistas de direitos humanos nos Estados Unidos e Europa) que provocaram crítica, no exterior, contra os militares. Ainda assim, muitos clérigos foram detidos e torturados durante esse período.
Guerilla insurgency. Formed mainly of students who had gone underground, this group began to pose a challenge to the government. Their main interest was in freeing captured comrades and in making the military look bad to the international community. Repression of this opposition was relentless and especially brutal.
Insurgência guerrilheira. Formada principalmente de estudantes que haviam ido para a clandestinidade, esse gupo começou a representar perigo para o governo. O principal interesse dele era libertar companheiros presos e fazer com que a instituição militar tivesse imagem desfavorável diante da comunidade internacional. A repressão a essa oposição foi inflexível e particularmente brutal. 
Brazilians. By this time most were terrified of the repressive capabilities of the military's torturers. They were, however, beginning to feel the effects of the "economic miracle" which actually gave the government an edge of legitimacy. Furthermore, Brazil was about to win the World Cup in soccer for the third time, which helped to relieve tension and distract them from the horrors many faced at home.
Brasileiros. A essa altura a maioria estava aterrorizada com a capacidade de reprimir dos torturadores da instituição militar. Começava, entretanto, a sentir os efeitos do “milagre econômico” que na verdade deu ao governo uma aura de legitimidade. Ademais, o Brasil estava prestes a ganhar a Copa do Mundo em futebol pela terceira vez, o que ajudava a diminuir a tensão e a tirar-lhe a atenção dos horrores que muitos enfrentavam no país.
As authoritarian rule consolidated, the economy responded well to the austere programs. The military needed the technocrats' economic policies to succeed in order to maintain some element of legitimacy. When General Medici, the first durista military president, assumed power in 1969, censorship was widespread and the brutal institutions of repression and torture were in place, providing the appearance of control. Foreign investors were attracted to the apparent stability of the political system and the growth and opportunities of the economic system.
À medida que o governo autoritário se consolidava, a economia reagia bem aos programas austeros. A instituição militar precisava de as políticas econômicas darem certo para manter algum elemento de legitimidade. Quando o General Médici, o primeiro presidente militar durista, assumiu o poder em 1969, a censura se espalhara e as brutais instituições de repressão e tortura estavam instaladas, dando aparência de controle. Investidores estrangeiros eram atraídos pela aparente estabilidade do sistema político e pelo crescimento e oportunidades do sistema econômico.
Segments of the opposition had been pacified by economic growth and terrorized into submission by the military torturers and the right-wing death squads. The guerilla insurgency, formed mainly of students who had gone underground, began to pose a challenge to the government. The guerrillas managed to kidnap international diplomats to negotiate the release of captured comrades and to force the recognition of foreign governments. For greater impact, nationally and internationally, the guerrillas kidnapped diplomats from the countries that were most heavily investing in Brazil's economic growth at the time: U.S., Japan, West Germany, and Switzerland. These actions were defensive, not offensive, by nature spectacular and required little organization. Only one person died at the hands of the guerrillas, a death which was accidental.
Segmentos da oposição haviam sido pacificados pelo crescimento econômico e levados à submissão pelo terror pelos torturadores militares e pelos esquadrões da morte de direita. A insurgência guerrilheira, formada principalmente de estudantes que haviam ido para a clandestinidade, começou a representar perigo para o governo. Os guerrilheiros conseguiram sequestrar diplomatas internacionais para negociarem a libertação de companheiros capturados e forçar o reconhecimento por governos estrangeiros. Para maior impacto, nacional e internacionalmente, os guerrilheiros sequestraram diplomatas dos países que mais investiam no crescimento econômico do Brasil à época: Estados Unidos, Japão, Alemanha Ocidental e Suíça. Essas ações eram defensivas, não ofensivas, por sua própria natureza espetaculares e requeriam pouca organização. Apenas uma pessoa morreu nas mãos dos guerrilheiros, morte que foi acidental.
The first kidnapping occurred in September 1968 and set the precedence for future guerrilla acts. Demands were made in exchange for the release of the kidnapped diplomats which included radio broadcast of the guerrillas' manifesto and the release of specific political prisoners. The first kidnaped was the U.S. Ambassador to Brazil, and due to pressure from the United States, the guerrilla's demands were met quickly and he was released.
O primeiro sequestro ocorreu em setembro de 1968 e estabeleceu precedente para futuros atos dos guerrilheiros. Foram feitas exigências em troca da libertação dos diplomatas sequestrados, as quais incluíam transmissão pelo rádio do manifesto dos guerrilheiros e a libertação de prisioneiros políticos específicos. O primeiro sequestrado foi o Embaixador dos Estados Unidos no Brasil, e devido a pressão dos Estados Unidos, as exigências dos guerrilheiros foram rapidamente atendidas e ele foi libertado.
As these challenges to the military continued, Institutional Acts (AI) to the military's draft of the Constitution were issued. In response to the guerrilla's success in getting comrades released, the government issued AI #13 (which gave the government power to permanently exile all political prisoners released as a result of negotiation with "terrorists" or any Brazilian deemed dangerous to national security) and AI #14 (which restored the "formal" death penalty - nonexistent in peacetime Brazil since 1891). The National Security Law of 1969 was also passed, allowing the state to "exercise complete discretion in determining what may constitute a crime against national security." (Alves, 1985). It provided the legal framework for repression of anyone opposed to the policies of the national security state. An Amendment to the 1967 Constitution increased power of the Executive branch even more by issuing a decree-law which enabled the Executive to pass secret decree-laws whose texts would not be published. This provided the basis for arrest for the infringement of a law which was completely unknown (Alves, 1985).
Com a continuação desses desafios à instituição militar, foram emitidos os Atos Institucionais (AI) para a versão militar da Constituição. Em reação ao sucesso dos guerrilheiros em libertar companheiros, o governo emitiu o AI Número 13 (que dava ao governo poder para exilar permanentemente todos os prisioneiros políticos libertados como resultado de negociação com “terroristas” ou qualquer brasileiro considerado perigoso para a segurança nacional) e o AI Número 14 (que restaurou a pena de morte “formal” – inexistente em tempo de paz no Brasil desde 1891). A Lei de Segurança Nacional de 1969 também foi aprovada, permitindo ao estado “exercer completa discrição em definir o que possa constituir crime contra a segurança nacional.” (Alves, 1985). Ela proporcionou o arcabouço legal para repressão de qualquer pessoa que se opusesse às políticas do estado de segurança nacional. Emenda de 1967 à Constituição aumentou ainda mais o poder do Executivo de aprovar decretos-leis secretos cujos textos não seriam publicados. Isso proporcionou base para detenção por infringência de uma lei completamente desconhecida. (Alves, 1985).
As the guerrillas were successful in trading kidnapped diplomats for the release of political prisoners, the government became less willing to negotiate and the use of repression became relentless and especially brutal. After the first kidnapping, the government arrested and tortured members of the underground movement. The guerrillas responded with more kidnapings, and the government responded with more arrests and tortures - until the national security state was no longer willing to make concessions and used these subversive activities to justify the most violent period of repression. By 1971 the guerrilla groups had been largely liquidated.
Na medida em que os guerrilheiros tinham sucesso em trocar diplomatas sequestrados pela libertação de prisioneiros políticos, o goveno tornava-se menos disposto a negociar e o uso de repressão tornou-se inflexível e particularmente brutal. Depois do primeiro sequestro, o governo prendeu e torturou membros do movimento clandestino. Os guerrilheiros reagiram com mais sequestros, e o governo reagiu com mais prisões e tortura – até que o estado de segurança nacional não mais se dispôs a fazer concessões e usou aquelas atividades subversivas para justificar o período mais violento da repressão. Quando chegou o ano de 1971, os grupos guerrilheiros haviam sido em grande parte liquidados.
These Acts served to consolidate and broaden the increasingly arbitrary power the military had granted itself, and constantly changed the rules of the game in its favor. The coalition in power did not have a model for the new state, it had only a doctrine of national security from which it developed and institutionalized, as the need arose, institutions and laws through which to exercise its power.
Aqueles Atos serviram para consolidar e ampliar o poder cada vez mais arbitrário que a instituição militar havia concedido a si própria, e para mudar constantemente as regras do jogo em favor dela. A coalizão no poder não possuía um modelo para o novo estado, tinha apenas uma doutrina de segurança nacional a partir da qual desenvolvia e institucionalizava, na medida das necessidades, instituições e leis por meio das quais exercer seu poder.
In 1970, Congress was reopened but the MDB boycotted congressional elections, giving Medici overwhelming majority strength to promote further economic programs designed for "development." The military was coming under criticism from abroad for unequal distribution and regional loss of development funds under the economic policies. One way Medici sought to recast his image was to begin construction of the Transamazon Highway, funded mainly by the World Bank and the Inter-American Development Bank.
Em 1970 o Congresso foi reaberto, mas o MDB boicotou eleições para o Congresso, dando a Médici esmagadora força majoritária para promover programas econômicos adicionais visantes ao “desenvolvimento.” A instituição militar começou a receber críticas do exterior por distribuição desigual e perda regional de fundos para o desenvolvimento por causa das políticas econômicas. Um dos modos pelos quais Médici buscou reformular sua imagem foi começar a construção da Rodovia Transamazônica, financiada principalmente pelo Banco Mundial e o Banco de Desenvolvimento Interamericano. 
As a means to provide relief for the over-populated, impoverished, drought stricken Northeast, the decision was made to open up and develop the Amazon region. The Transamazon Highway would open a path to the cheap, fertile land of the Amazon region as part of the policy to find and use new resources. Medici wanted to avoid regional redistribution from the devastated Northeast to the industrial Center-South, and settle and explore the Amazon region before another country claimed it. It was a superficial and temporary solution to several national problems which served fantastic symbolic value and provided great photo opportunities for the president, it was also an environmental disaster.
Como meio de proporcionar alívio para o Nordeste superpovoado, empobrecido e assolado pela seca, foi tomada a decisão de abrir e desenvolver a região amazônica. A Rodovia Transamazônica abriria uma vereda para a terra barata e fértil da região amazônica como parte da política de encontrar e usar novos recursos. Médici queria impedir redistribuição regional do devastado Nordeste para o industrial Centro-Sul, e colonizar e explorar a região amazônica antes que outro país a reclamasse. Foi uma solução superficial e temporária para diversos problemas nacionais, que rendeu fantástico valor simbólico e grandes oportunidades de fotos para o presidente, e foi também um desastre ambiental.
The Brazilian military never managed to reach political institutionalization as an authoritarian government, rather, it has been referred to as an "authoritarian situation" by political analysts. It failed to do so for many reasons. A lack of confidence to confront international opinion which did not look favorably on dictatorial regimes; U.S. support (the bastion of anti-communism) carried great military, economic, and symbolic importance. International support also directly affected foreign economic aid, loans and investment so crucial to the economic growth which maintained the support of the middle sector in Brazil. Two crucial, yet problematic areas depended on world opinion and the military's economic record: the inability to institutionalize an authoritarian regime and the continuation of its power (Alves, 1985).
A instituição militar brasileira nunca conseguiu atingir institucionalização política como governo autoritário; em vez disso, veio a ser conhecida como “situação autoritária” por analistas políticos. E não o conseguiu por muitos motivos. Falta de confiança para confrontar opinião internacional que não parecesse favorável a regimes ditatoriais; o apoio dos Estados Unidos (o baluarte do anticomunismo) era de grande importância militar, econômica e simbólica. O apoio internacional também afetava diretamente ajuda econômica, empréstimos e investimentos estrangeiros, tão cruciais para o crescimento econômico o qual mantinha o apoio do setor médio no Brasil. Duas áreas cruciais, mas problemáticas, dependiam da opinião mundial e das realizações econômicas da instituição militar: a incapacidde de institucionalizar regime autoritário, e a continuação de seu poder (Alves, 1985).
1974-1985 – Actors and Interests
1974-1985 – Atores e Interesses
Military. The castelistas managed to gain the presidency and begin the process of liberalization.
Instituição militar. Os castelistas conseguem ganhar a presidência e começam o processo de liberalização.
MDB. Gradually the MDB re-entered the political scene as a legitimate source of opposition.
MDB. Gradualmente o MDB reentrou no cenário político como fonte legítima de oposição.
National opposition. The student movement, labor organizations, Catholic Church, the media, etc. gradually re-emerged and asserted their support for the liberalization of the political system.
Oposição nacional. O movimento estudantil, organizações do trabalho, a Igreja Católica, a mídia etc. gradualmente ressurgiram e afirmaram seu apoio à liberalização do sistema político.
Foreign investors. Many withdrew their economic support for Brazil as a result of the world oil crisis. Because of this, and the nature of the economic growth policies, Brazil was caught in a mode of industrialization it could not sustain, consequently plunging into debt.
Investidores externos. Muitos retiraram seu apoio econômico ao Brasil em decorrência da crise mundial do petróleo. Por causa disso, e da natureza das políticas de crescimento econômico, o Brasil foi apanhado num modo de industrialização que não tinha como sustentar, mergulhando, consequentemente, em dívida. 
The final period of the military government began with the policy of decompression in 1974 and was characterized by the search for legitimacy. Even so, repression still served two purposes: 1) to destroy the two underground parties, the PCB and PC do B; and 2) to destroy the human rights and grassroots movements forming in Sao Paulo, the economic center of the country. Repression during this last stage became class-selective (Alves, 1985). While it was the intention of the government to become more flexible, it was not prepared to admit opposition which might make still unacceptable social, economic or political demands. Working class and peasant movements could represent a threat to the economic model the military planned to extend into the civilian government it would install.
O período final do governo militar começou com a política de descompressão em 1974 e caracterizou-se pela busca de legitimidade. Ainda assim, a repressão servia a dois propósitos: 1) destruir os dois partidos clandestinos, PCB e PC do B; e 2) destruir os movimentos de direitos humanos e de base que se formavam em São Paulo, o centro econômico do país. A repressão durante esse último estágio tornou-se seletiva em termos de classes (Alves, 1985). Embora fosse intenção do movimento tornar-se mais flexível, ele não estava disposto a admitir oposição que pudesse fazer demandas sociais, econômicas ou políticas ainda inaceitáveis. A classe dos trabalhadores e os movimentos de habitantes rurais podiam representar ameaça para o modelo econômico que a instituição militar planejava estender para o governo civil que instalaria.
During this period, there was an increase in the use of paramilitary and clandestine forms of repression. Undercover terrorist actions represented the decentralization of the mechanisms of repression not formally tied to the state which would maintain the climate of terror necessary for economic and political control. Therefore, liberalization and the dismantling of the mechanisms of repression did not mean an improvement in human rights (Alves, 1985).
Durante esse período houve aumento do uso de formas paramilitares e clandestinas de repressão. Ações terroristas encobertas representavam a descentralização dos mecanismos de repressão não formalmente vinculados ao estado que manteriam o clima de terror necessário para controle econômico e político. Portanto, a liberalização e o desmantelamento dos mecanismos de repressão não significaram melhora em direitos humanos (Alves, 1985).
General Geisel, a castelista, became the president in 1974 and began discussions in line with the original goal of the Revolution. His goals were to maintain military support while controlling the hard line military, control existing subversives (some of which existed, but had largely been exaggerated by the hard line to further their political aims), return eventually to an undefined form of democracy, and maintain economic growth accompanied by a more equal distribution of benefits. To achieve the latter, he created the Ministry of Social Welfare.
O General Geisel, um castelista, tornou-se presidente em 1974 e comecou discussões em linha com a meta original da Revolução. As metas dele eram manter apoio militar ao mesmo tempo controlando os militares de linha dura, controlar subversivos existentes (alguns dos quais existiam, mas haviam sido grandemente exagerados pelos da linha dura para promoverem seus objetivos políticos), voltar finalmente a uma forma indefinida de democracia, e manter o crescimento econômico acompanhado de distribuição mais igualitária de benefícios. Para conseguir este último, criou o Ministério da Previdência Social.
In 1974 the opposition was active (though guarded) in formal politics and through civil organizations such as the Brazilian Bar Association (OAB), Brazilian Press Association (ABI), and the National Conference of Brazilian Bishops (CNBB). The student movements and labor organizations were also active. Opposition at this stage was represented by multi- class resistance to the overall framework of the national security state (Alves, 1985). The MDB became a source of strong opposition to the military, which forced the government to constantly change the rules governing electoral politics to favor ARENA, and resulted in weakening the military's already low level of credibility and legitimacy.
Em 1974 a oposição era ativa (embora vigiada) em política formal e por meio de organizações civis como a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), a Associação Brasileira de Imprensa (ABI), e a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Os movimentos de estudantes e as organizações de trabalhadores também eram ativas. A oposição, nesse estágio, era representada por resistência multiclasses a toda a estrutura do estado de segurança nacional (Alves, 1985). O MDB tornou-se fonte de forte oposição à instituição militar, forçando o governo a constantemente mudar as regras da política eleitoral para favorecerem a ARENA, o que resultou no enfraquecimento do já baixo nível de credibilidade e legitimidade da instituição militar.
In 1976, the military's Lei Falcao limited MDB's access to radio and tv (essential sources for campaign effectiveness) in an attempt to manipulate the elections in favor of the government (Alves, 1985). This forced the MDB to organize locally, which served to strengthen its ties to the civil organizations. As opposition increased in the press, legal and religious communities, and the Congress, the military government was faced with economic trouble and the inefficiency of the over- centralized bureaucratic system. To survive, it would have to decentralize - which would ultimately mean its defeat.
Em 1976, a Lei Falcão da instituição militar limitou o acesso do MDB ao rádio e à tv (fontes essenciais para eficácia da campanha) em tentativa de manipular as eleições em favor do governo (Alves, 1985). Isso forçou o MDB a organizar-se localmente, o que serviu para fortalecer seus vínculos com as organizações civis. À medida que a oposição aumentava na imprensa, nas comunidades jurídicas e religiosas, e no Congresso, o governo militar defrontou-se com problemas econômicos e com a ineficiência do sistema burocrático supercentralizado. Para sobreviver, teria de descentralizar-se – o que, em última análise, significaria sua derrota.
Maria H. M. Alves notes,
Maria H. M. Alves observa:
"The disparity between the language and the practical need for repression [had] two important consequences. First, it [forced] the military government to seek legitimacy based on consensus established in formal institutions of political representation. The government [had] thus not been able to abolish such bodies as Congress, state and municipal assemblies, and political parties. Although elections [had] been manipulated, they ... continued to be necessary to maintain a minimum of legitimation. ... Second, [this gap] opened space for the opposition to maneuver, organize, and even negotiate within the system." (Alves, 1985).
"A disparidade entre a linguagem e a necessidade prática de repressão [teve] duas importantes consequências. Primeiro, [forçou] o governo militar a buscar legitimidade baseada em consenso estabelecido em instituições formais de representação política. O governo portanto [não havia conseguido] extinguir entidades como Congresso, assembleias estaduais e municipais, e partidos políticos. Embora as eleições [tivessem sido] manipuladas, elas … continuaram a ser necessárias para manter um mínimo de legitimação. ... Segundo, [essa lacuna] abriu espaço para a oposição manobrar, organizar-se e até negociar com o sistema." (Alves, 1985).
The process of abertura, or opening, was a gradual and controlled process. Geisel sought to replace the government's exceptional powers with safeguards compatible with a constitutional framework, meaning the government party would continue to win elections. He made it very clear that the military was not to be pushed too fast or suffer pressures and challenges from several groups simultaneously, under the threat of returning Brazil to an even deeper state of authoritarianism. As the abertura process began, the conflict between the military's internal factions began to heighten. As Geisel sought to lead the country in a controlled liberalization of the state, he was bound to face a confrontation with the military duristas, the torturers and the National Intelligence Service (SNI). In an attempt to embarrass the Geisel government and create tension between the government and civil society, the duristas engaged in censorship and torture of prominent lawyers and journalists. As public opposition became more vocal, the government's goals and patience were tested. In 1977, Geisel closed Congress briefly to control presidential succession as conflict erupted between Geisel, the duristas, Congress, the Church, and the media. He managed to further pursue the liberalization program, eliminating such Institutional Acts as AI #5 and restoring habeas corpus.
O processo de abertura, em inglês opening, foi um processo gradual e controlado. Geisel procurou substituir os poderes excepcionais do governo por salvaguardas compatíveis com uma estrutura constitucional, significando que o partido do governo continuaria a ganhar as eleições. Ele deixou muito claro que a instituição militar não devia ser forçada muito depressa nem sofrer pressões e instigações de diversos grupos simultaneamente, sob pena de o Brasil voltar a estado ainda mais duro de autoritarismo. Ao começar o processo de abertura, o conflito interno entre as facções militares começou a intensificar-se. Ao Geisel tentar levar o país pelo caminho de liberalização controlada do estado, viu-se na iminência de enfrentar confronto com os militares duristas, os torturadores e o Serviço Nacional de Informações (SNI). Em tentativa de dificultar a vida do governo Geisel e criar tensão entre o governo e a sociedade civil, os duristas lançaram-se a censura e tortura de preeminentes advogados e jornalistas. Ao a oposição do público tornar-se mais vocal, os objetivos e a paciência do governo foram testados. Em 1977, Geisel fechou por curto prazo o Congresso para controlar a sucessão presidencial, ao irromper conflito entre Geisel, os duristas, o Congresso, a Igreja e a mídia. Ele conseguiu fazer avançar o programa de liberalização, eliminando Atos Institucionais tais como o AI Número 5 e restaurando o habeas corpus.
In 1979 General Figueiredo assumed office as the last of the military presidents (although the military appointed his civilian successor in 1985), declaring amnesty to political exiles, releasing political prisoners and ending the two-party restrictions. Alves notes that the period of Figueiredo should not be understood as a stage in the transition to democracy, rather as a continuation of the policy of controlled decompression which sought to finally institutionalize the national security state. "The abertura policy [had] been bound by the Doctrine of National Security and Development, and thus [had] not been open to participation of marginalized sectors of the population, which [had] demanded substantial modification of the economic development model." (Alves, 1985).
Em 1979 o General Figueiredo assumiu o cargo como o último dos presidentes militares (embora os militares tivessem nomeado seu sucessor civil em 1985), declarando anistia dos exilados políticos, libertando prisioneiros políticos e dando fim às restrições de dois partidos. Alves observa que o período de Figueiredo não deve ser entendido como um estágio na transição para a democracia, e sim antes como continuação da política de descompressão controlada que buscava finalmente institucionalizar o estado de segurança nacional." A política de abertura [havia] sido balizada pela Doutrina de Segurança e Desenvolvimento Nacional e, portanto, não [havia] sido aberta à participação de setores marginalizados da população, que [haviam] demandado substancial modificação do modelo econômico de desenvolvimento." (Alves, 1985).
Legitimacy
Legitimidade
The nature of Brazil's capitalist development was directly tied to the policies and legitimacy of the military government. The ideology of the national security state was elaborated in the Doctrine of National Security and Development, which included theories of war, internal subversion and revolution, Brazil's role in world politics, and economic development. The Doctrine was used to "justify the imposition of a system of controls and domination. It [did] not require the support of the masses to legitimize state power, nor [did] it attempt to elicit such support. ... [The Doctrine did] foresee the state's obtaining a degree of legitimacy based on continued capitalist development as well as on its function as defender of the nation against the threat of 'internal enemies' and 'psychological warfare.'" (Alves, 1985). The government's slogan was "security with development."
A natureza do desenvolvimento capitalista do Brasil estava diretamente vinculada às políticas e à legitimidade do governo militar. A ideologia do estado de segurança nacional foi sistematizada na Doutrina de Segurança Nacional e Desenvolvimento, que incluía teoria de guerra, subversão interna e revolução, papel do Brasil na política mundial, e desenvolvimento econômico. A Doutrina foi usada para "justificar a imposição de um sistema de controles e dominação. Ela não demandava o apoio das massas para legitimar o poder do estado, nem tentava induzir esse apoio. ... [A Doutrina] previa o estado obtendo determinado grau de legitimidade com base em contínuo desenvolvimento capitalista bem como em sua função de defensor da nação contra a ameaça de 'inimigos internos' e 'guerra psicológica.'" (Alves, 1985). O slogan do governo era "segurança com desenvolvimento."
Initially the military promised to "'restore legality,' reinforce the 'threatened democratic institutions,' and re-establish the 'federative composition of the nation' by breaking up the excessively centralized power of the federal government and returning power to the states. Above all, it promised to 'eliminate the danger of subversion and communism,' and to punish those in government who had become rich through corruption." (Alves, 1985). The initial objective was to establish legitimacy with the national economic elite and the international aid agencies, by proving that Brazil was once again committed to a "free world" economy.
Inicialmente a instituição militar prometera "'restaurar a legalidade,' reforçar as 'instituições democráticas ameaçadas,' e reestabelecer a 'composição federativa da nação' mediante desintegrar o poder excessivamente centralizado do governo federal e retornar poder aos estados. Acima de tudo, prometera 'eliminar o perigo da subversão e do comunismo,' e punir aqueles no governo que se tinham tornado ricos por meio da corrupção." (Alves, 1985). O objetivo inicial fora estabelecer legitimidade junto à elite econômica nacional e os órgãos de ajuda internacional, mediante provar que o Brazil estava de novo comprometido com uma economia de "mundo livre." 
Legitimacy in the beginning of the military government was not widely questioned. On the contrary, the Revolution enjoyed widespread support for its economic principles. Political activity was restricted, but there was economic freedom and the promise of economic growth. The labor unions were newly formed and had not yet reached many workers; most Brazilians were not politically active or organized, so political, public life restrictions were not initially threatening to them. Furthermore, it was not immediately clear just how far the military would go.
A legitimidade, no início do governo militar, não era disseminadamente questionada. Pelo contrário, a Revolução gozava de amplo apoio para seus princípios econômicos. A atividade política fora restringida, mas havia liberdade econômica e a promessa de crescimento economico. Os sindicatos de trabalhadores haviam-se formado recentemente e não haviam ainda atingido muitos trabalhadores; a maioria dos brasileiros não era politicamente ativa ou organizada, e portanto restrições políticas e de vida pública não eram inicialmente ameaçadoras para ela. Ademais, não era imediatamente claro o quão longe a instituição militar iria. 
The economic boom brought high salaries for professionals, and for those willing to reconcile themselves to living under a dictatorship, the economic rewards could be great. "The effect was strongest among the young of the middle and upper social sectors - the very strata from which the armed opposition had once successfully recruited. Thus the economic gains helped generate genuine middle-sector support for the government. The 1970 congressional elections, when ARENA won an overwhelming victory, seemed to confirm that support. Even Brazilians disgusted by authoritarian government drew pride from the evidence that Brazil was on the move." (Skidmore, 1988).
A explosão econômica trouxe altos salários para os profissionais, e para aqueles dispostos a acomodar-se com viver sob uma ditadura, as recompensas econômicas podiam ser excelentes. "O efeito era mais forte entre os jovens dos setores sociais médio e alto - exatamente a camada da qual a oposição armada havia no passado sido bem-sucedidamente recrutada. Assim, pois, os ganhos econômicos ajudaram a gerar genuíno apoio do setor médio ao governo. As eleições de 1970 para o Congresso, quando a ARENA teve esmagadora vitória, pareceram confirmar esse apoio. Até brasileiros com aversão ao governo autoritário hauriam orgulho da evidência de que o Brasil estava progredindo." (Skidmore, 1988).
As this indicates, any legitimacy the military government enjoyed was directly tied to and dependent on continued success of the economic policies. This also explains why the opposition movements were so late in developing. The "real face" of the dictatorship did not directly show itself in the first few years. By the time it did and the opposition was beginning to organize, the mechanisms for repression were in place and the military could quickly respond.
Como isso sugere, qualquer legitimidade de que gozou o governo militar estava diretamente vinculada e dependia de contínuo sucesso em políticas econômicas. Isso explica, também, por que os movimentos de oposição foram tão tardos em desenvolver-se. A "real face" da ditadura não se mostrou nos primeiros anos. Quando veio a fazê-lo, e a oposição estava começando a organizar-se, os mecanismos de repressão estavam estabelecidos e a instituição militar tinha como reagir rapidamente. 
As Skidmore notes, even in this environment of economic growth, the working classes enjoyed little collective power. Any gains in this sector represented individual job mobility. Distribution of income under the new economic plan had become increasingly unequal, and in 1972 the World Bank President, Robert McNamara, denounced Brazil for having neglected its poor in its drive for growth. The short-term emphasis on growth had taken precedence over improved distribution.
Como Skidmore observa, mesmo nesse ambiente de crescimento econômico, as classes trabalhadoras gozavam de pouco poder coletivo. Quaisquer ganhos nesse setor representaram mobilidade individual de emprego. A distribuição de renda sob o novo plano econômico havia-se tornado crescentemente desigual, e em 1972 o Presidente do Banco Mundial, Robert McNamara, denunciou o Brasil por haver negligenciado seus pobres em seu impulso em busca de crescimento. A ênfase de curto prazo em investimento havia tido precedência em relação a melhora de distribuição. 
The military knew its legitimacy nationally and internationally depended entirely on the continuation of economic growth. The government and technocrats insisted on the argument that an increase in the pie would eventually mean a larger slice for everyone. This lack of distribution and increased inequality, however, would prove to be a challenge for the government as it was faced with the internal contradictions between stated goals for reinstituting a democratic government and the need for control.
Os militares sabiam que sua legitimidade, nacional e internacionalmente, dependia inteiramente da continuação do crescimento econômico. Governo e tecnocratas insistiam na argumentação de que aumento do bolo redundaria no final numa fatia maior para todo mundo. Essa falta de distribuição e crescente desigualdade, porém, revelar-se-ia um desafio para o governo, na medida em que ele se defrontava com as contradições internas entre metas enunciadas para reinstituição de um governo democrático e a necessidade de controle. 
Because one of the original goals of the revolution was to restore democracy, and since democracy carried international importance as a system of government and for access to international aid, the state was forced to periodically incorporate some of the demands of the opposition. Throughout the period the military remained in power, this led to the cycles of repression and liberalization which would eventually create the crisis of legitimacy in which it would become apparent that the military could less and less support the cost of controlling growing economic, political and social tensions. At the beginning of each term, every military president, except one, initiated a policy of liberalization intended to ease tension created by the previous president's policy of violent repression and legislative controls. All of the military presidents began their terms with the promise to restore a democratic government, and all at some point applied the force of repression (Alves, 1985). The strategy and justification for repression changed over time, in response to specific opposition.
Pelo fato de uma das metas originais da revolução ter sido restaurar a democracia, e posto que a democracia tinha importância internacional como sistema de governo e para efeito de ajuda internacional, o estado foi forçado a periodicamente incorporar algumas das exigências da oposição. Ao longo do período em que os militares permaneceram no poder, isso levou aos ciclos de repressão e liberalização que finalmente criariam uma crise de legitimidade na qual ficaria visível que a instituição militar cada vez menos conseguia arcar com o custo de controlar crescentes tensões econômicas, políticas e sociais. No começo de cada mandato todo presidente militar, exceto um, deu início a uma política de liberalização visante a diminuir tensão criada pela política do presidente passado de repressão violenta e controle legislativo. Todos os presidentes militares começaram seus mandatos com a promessa de restaurarem um governo democrático, e todos, a certa altura, aplicaram a força da repressão (Alves, 1985). A estratégia e a justificativa para repressão mudavam ao longo do tempo, em reação a oposição específica. 
As Wehr (1979) reproduces Dahrendorf (1959), we see that legitimacy provides an important dynamic in this type of situation: groups must be recognized as legitimate for their demands to be seen as legitimate. As long as a group is considered illegitimate by the dominant group, the actions in which it may engage will be considered illegitimate; therein the basis of repression is justified. "Before a struggling group is recognized as a legitimate conflict agent, the conflict may be violent, with structural changes resisted in every possible way by groups having dominant access to authority. When legitimacy is recognized, however, the possibilities for regulation of conflict through institutionalization are greatly improved." (Wehr, 1979).
Como Wehr (1979) reproduz Dahrendorf (1959), vemos que a legitimidade proporciona importante dinâmica nesse tipo de situação: os grupos precisam ser reconhecidos como legítimos para que suas exigências sejam vistas como legítimas. Enquanto um grupo for considerado ilegítimo pelo grupo dominante, as ações nas quais ele se possa lançar serão consideradas ilegítimas; nessa medida a base da repressão vê-se justificada. "Antes que um grupo combatente seja reconhecido como agente legítimo de conflito, o conflito poderá ser violento, com resistência a mudanças estruturais de toda maneira possível por grupos com acesso dominante à autoridade. Quando porém a legitimidade é reconhecida, as possibilidades para regulamentação do conflito por meio de institucionalização são grandemente melhoradas." (Wehr, 1979).
This observation can be applied to the case of Brazil, although the military frequently oscillated in its position. Throughout the process, to maintain the facade of keeping with the stated goals for a return to a democratic form of government, the military was forced to recognize some opposition demands, until it became too costly and the next curve on the cycle of repression would begin. Once the liberalization process began and the opposition was legalized, it enjoyed the legitimacy it needed to negotiate its position, although in a very controlled and guided manner.
Essa observação pode ser aplicada ao caso do Brasil, embora a instituição militar frequentemente oscilasse em sua posição. Ao longo do processo, para preservar a fachada de manter as metas afirmadas de retorno a forma democrática de governo, a instituição militar era forçada a reconhecer algumas demandas da oposição, até elas se tornarem demasiado onerosas, quando então começava a próxima curva do ciclo de repressão. Uma vez começado o processo de liberalização e a oposição legalizada, esta passou a gozar da legitimidade de que precisava para negociar sua posição, embora de maneira muito controlada e dirigida. 
Conclusion
Conclusão
... I have reported here, your honor, the experiences that I have undergone. They are not relevant just for me but also for the millions of people who have followed the same path. When I was a young girl, I was taught to love Brazil, respect its flag, to do my best for its people, to dedicate to my country my brains, my work, and, if necessary, my life. These sentiments have not changed, the small girl is still inside me, but I know that the illusions died an abrupt death when I was tortured under Brazil's flag ...
... Relatei aqui, meritíssimo, as experiências que sofri. Elas são relevantes não apenas para mim, mas também para os milhões de pessoas que seguiram pela mesma vereda. Quando eu era uma menina pequena, fui ensinada a amar o Brasil, a respeitar sua bandeira, a fazer o melhor por seu povo, a dedicar a meu país meu cérebro, meu trabalho e, se necessário, minha vida. Esses sentimentos não mudaram, a menina pequena ainda está dentro de mim, mas sei que as ilusões morreram em morte abrupta quando fui torturada debaixo da bandeira do Brasil ... 
- letter from Marlene de Souza Soccas in Amnesty International's Report on Allegations of Torture in Brazil
- carta de Marlene de Souza Soccas no Relatório da Anistia Internacional acerca de Alegações de Tortura no Brasil
In trying to characterize the Brazilian people5 in their social and political relations, several problems arise. When considering Brazil's willingness to become involved in international conflicts, it could be said that Brazilians are historically nonconflictual, they have almost always remained neutral in such cases. However, they are extremely passionate about matters that affect their private lives, and are quick to engage that so-called "latin spirit" to defend what is dear to them. Even so, there are some issues that escape that fiery confrontal nature, which might be understood as those which have been incorporated as part of a recent past symbolized by hyperinflation - some sense of control has been lost during the submission to the realization that theirs is a society plagued by escalation. The economy has been in a run away mode for years which has led to the institutionalization of economic uncertainty, strikes in all sectors are frequent and expected occurrences which constantly force them to find creative alternatives to everyday needs. In a sense, it has become a society which reacts to upheaval rather than acting on plans - something which has become a near impossibility given the current situation.
Ao se tentar caracterizar o povo brasileiro5 em suas relações sociais e políticas, surgem diversos problemas. Quando se considera a disposição do Brasil para envolver-se em conflitos internacionais, poderia ser dito que os brasileiros são historicamente avessos a conflito, que quase sempre permaneceram neutros em tais casos. Entretanto, são extremamente apaixonados em assuntos que afetem suas vidas privadas, e são rápidos em engajar-se no assim chamado "espírito latino" para defender o que lhes seja caro. Ainda assim, há certas questões que escapam dessa feroz natureza confrontativa, as quais podem ser compreendidas como aquelas incorporadas como parte de um passado recente simbolizado pela hiperinflação - algum senso de controle se perdeu durante a submissão à compreensão de sua sociedade ser afligida pela disparada. A economia vem em ritmo de galope há anos o que levou à institucionalização da incerteza econômica, greves em todos os setores são frequentes e esperadas, ocorrências que os força a encontrar alternativas criativas para as necessidades diárias. Em certo sentido, aquela tornou-se uma sociedade que reage a mudanças drásticas em vez de atuar com base em planos - algo que se tornou quase uma impossibilidade dada a situação corrente. 
This volatile environment, complicated by the fact that most Brazilians alive today were politically socialized under a military dictatorship which severely punished those who were the least bit outspoken, makes it difficult to fully understand or categorize their willingness (or not) to engage in conflict. To their benefit, their creativity serves them well as they are ever more able to maneuver around what we might understand as the traditional channels of participation, to eventually infiltrate these channels or modify them to their needs. We might suggest that this environment of uncertainty has sharpened their ability to adapt and expect the unexpected.
Esse ambiente volátil, complicado pelo fato de a maioria dos brasileiros hoje vivos terem sido politicamente socializados numa ditadura militar que punia severamente aqueles que falassem com um mínimo de franqueza, torna difícil entender plenamente ou categorizar a disposição deles (ou não) de engajar-se em conflito. Para bem deles, sua criatividade é-lhes de grande valia na medida em que são sempre bem capazes de rodear cuidadosamente o que poderíamos entender como os canais tradicionais de participação, para finalmente infiltrarem-se nesses canais ou modificá-los de acordo com suas necessidades. Poderíamos sugerir que esse ambiente de incerteza afiou-lhes a capacidade de adaptarem-se e esperar o inesperado. 
The universally upheld ideals of democracy and democratic participation have rendered successes and given Brazilians a sense of empowerment. Since the formal end of military power in 1985, the Brazilian people have enjoyed two nation-wide political victories: the fight to regain their political rights in 1988 during the "diretas ja" campaign, and the impeachment of the then President Collor in 1992 under charges of corruption.
Os ideais universalmente defendidos de democracia e participação democrática proporcionaram sucessos e deram aos brasileiros um senso de poder. Desde o fim formal do poder militar em 1985, o povo brasileiro tem gozado de duas vitórias políticas de âmbito nacional: a luta para recuperarem seus direitos políticos em 1988 durante a campanha das "diretas já" e o impedimento o então Presidente Collor em 1992 debaixo de acusações de corrupção.
The past is something we can not change, but from which we can take lesson. With that in mind, it is valuable to try to understand why the events of 1964 occurred and lasted almost twenty years, to ask what could have been done differently and how we can prevent them from happening again. With such seemingly simple questions, the answers will not be so simple. True intentions are often not revealed openly and actions are motivated by goals which prove to be less than ideal. Even if we are able to pinpoint the contributing factors, we may not be able to change them.
O passado é algo que não podemos mudar, mas do qual podemos aprender lições. Com isso em mente, vale tentar entender por que os eventos de 1964 ocorreram e duraram quase vinte anos, perguntar o que poderia ter sido feito diferentemente e como podemos impedir que aconteça de novo. Com tais aparentemente simples perguntas, as respostas não serão tão simples. As verdadeiras intenções amiúde não são reveladas abertamente e ações são motivadas por objetivos que se comprovam aquém do ideal. Mesmo se formos capazes de identificar os fatores contributivos, poderemos não ser capazes de modificá-los. 
For example, it might be reasonable to suppose that what has become an almost global admiration for democracy could make it very difficult for authoritarian dictators to come to power. But as we continuously see, even the most "democratic" of governments has supported countless dictators all over the world. What a government will stand up for is increasingly relative and opportunistic. Furthermore, the predominant mode of exchange has been established and continues to expand to incorporate (centrally or peripherally, as supplier or consumer) more and more nation-markets. Economics and capitalist means of exchange have taken precedence over human relations as nations and individuals compete for resources and wealth.
Por exemplo, poderia ser razoável supor que o que se tornou quase global admiração pela democracia poderia tornar muito difícil para ditadores autoritários chegar ao poder. Como porém continuamente vemos, até o mais "democrático" dos governos já apoiou incontáveis ditadores no mundo inteiro. O que um governo defenderá é algo que se torna cada vez mais relativo e oportunista. Ademais, o modo predominante de troca já foi estabelecido e continua a expandir-se para incorporar (central ou perifericamente, como fornecedor ou consumidor) mais e mais nações-mercados. A economia e os meios de troca capitalistas ganharam precedência sobre relações humanas, na medida em que nações e indivíduos competem por recursos e riqueza.
In Brazil, the military assumed power for the stated and unstated reasons discussed above. Does the authoritarian period in Brazil represent a conflict which was "resolved," or one manifestation of an ongoing, deeper struggle? I think it could be thought of as both a particular power struggle and an eruption of class conflict resulting from a system based on inherent inequality.
No Brasil, a instituição militar assumiu o poder pelos motivos declarados e não declarados discutidos acima. Será que o período autoritário no Brasil representa um conflito que foi "resolvido" ou uma manifestação de uma luta em andamento, mais profunda? Creio que poderia ser pensado tanto como uma luta particular de poder quanto uma erupção de conflito de classes resultante de um sistema baseado em intrínseca desigualdade. 
This period in Brazil's history represents a particular power struggle because certain dynamics were very specific to Brazil and the stage it had reached economically and politically. It also clearly represents one manifestation of a larger conflict inherent to the capitalist system and indicative of how we have come to view human relations: everything enters into the marketplace, everything has a price. Those who assumed power in Brazil in 1964 gambled at the expense of the lives and welfare of people, and the price they paid was their ultimate defeat. In the capitalist system, it is supposed that all enter into exchange protected by the invisible hand that will regulate exchange, therefore it is seen as a system based on equality. However, those who espouse this system - usually the "winners" - fail to acknowledge that where there is gain there is loss, where there is a winner there is a loser. What the system offered the elite of Brazil at the expense of the masses, it eventually took away and cast those who once profited toward the same misfortune as those who always sacrificed.
Esse período na história do Brasil representa uma luta de poder particular porque certa dinâmica foi muito específica do Brasil e do estágio que o país atingiu econômica e politicamente. Representa também, claramente, manifestação de um conflito maior inerente ao sistema capitalista e indicativo de como viemos a ver as relações humanas: tudo entra no mercado, tudo tem um preço. Aqueles que assumiram o poder no Brasil em 1964 fizeram suas apostas a expensas das vidas e do bem-estar do povo, e o preço que pagaram foi sua derrota final. No sistema capitalista, supõe-se que todos entrem em trocas protegidos pela mão invisível que regulamentará as trocas, portanto é visto como um sistema baseado na igualdade. Entretanto, aqueles que esposam tal sistema - geralmente os "vencedores" - não conseguem reconhecer que onde há ganho há prejuízo, onde há vencedor há perdedor. O que o sistema ofereceu à elite do Brasil a expensas das massas, no final tirou e lançou aqueles que no passado lucraram no mesmo infortúnio daqueles que sempre foram sacrificados. 
It can not be said that the conflict in Brazil which lasted formally from 1964 until 1985 was resolved. It was not a negotiable situation; it was a power struggle in which one side had the power and was willing to exercise extreme coercive force to maintain that power, and the other side simply had to survive. The military was effective at initially catching the people off guard, swiftly establishing the mechanisms of repression, and changing the rules of the game during the cycles of repression and liberalization to keep potential opposition off guard.
Não se pode dizer que o conflito no Brasil que durou formalmente de 1964 a 1985 foi resolvido. Não era uma situação negociável; era uma luta de poder na qual um lado tinha o poder e estava disposto a exercer extrema força coercitiva para manter tal poder, e o outro lado simplesmente tinha de sobreviver. A instituição militar foi eficaz em inicialmente apanhar as pessoas desprevenidas, estabelecendo agilmente os mecanismos de repressão e mudando as regras do jogo durante os ciclos de repressão e liberalização para manter potencial oposição desguarnecida. 
There are incredible cases of inconsistencies on the part of the military during this period - adding to the people's uncertainty about what to expect - which can be explained through the lack of a political agenda and the lack of ability to institutionalize the authoritarian regime. Cases, for example, in which a labor union was allowed to continue to challenge an industry and eventually succeed, at the height of the military's economic program and physical repression. Even the military's willingness to maintain elections, going to the trouble to constantly reinvent the rules of the game, would seem not to be consistent with a dictatorial regime.
Há casos incríveis de incoerência por parte da instituição militar durante esse período - acrescentando-se à incerteza do povo acerca do que esperar - que podem ser explicados pela falta de um programa político e falta de capacidade para institucionalizar o regime autoritário. Casos, por exemplo, no qual a um sindicato de trabalhadores foi permitido continuar a desafiar uma indústria e finalmente ser bem-sucedido, no ápice do programa econômico da instituição militar e da repressão física. Até a disposição da instituição militar de manter eleições, dando-se ao trabalho de constantemente reinventar as regras do jogo, pareceria incoerente com um regime ditatorial. 
Marginalization and oppression existed in Brazil before 1964 and continues to exist under the "democratic" government today - street children are used by the "underground" and then assassinated, criminals face daily police brutality, squatters fighting for their rights continue to struggle against landowners backed by police forces and political support. What has changed, and inspires hope that aggression of this type will happen less easily next time, is the opposition that continues to grow and the sense of empowerment gained through big and small victories.
Marginalização e opressão existiam no Brasil antes de 1964 e continuam a existir no governo "democrático" hoje - crianças de rua são usadas pela "clandestinidade" e depois assassinadas, os criminosos enfrentam diariamente a brutalidade da polícia, sem-terra lutando por seus direitos continuam a combater contra proprietários de terras apoiados por forças policiais e com suporte político. O que mudou, e inspira esperança em agressão do tipo vir a acontecer menos facilmente da próxima vez, é a oposição que continua a aumentar e o senso de poder obtido por meio de grandes e pequenas vitórias. 
Mario Carvalho de Jesus and Judith Hurley offer accounts of the labor struggle and the landless movement in Brazil. These groups, the seemingly powerless (economically and politically) are becoming ever more organized and conscious of the power they can exercise, and of their obligation to act. They face incredible obstacles in the resources of those they oppose - political influence, corrupt judges, and police force. Yet, as they are described in one of the stories, they have associated themselves with the image of the queixadas, wild boars, which are the only animal to pull together as a group to confront danger, snarling and grinding their teeth, forcing their hunter to recoil or they will run him down. They are strengthened by their emotional ties to the land and their deep sense of community.
Mário Carvalho de Jesus e Judith Hurley oferecem descrições da luta dos trabalhadores e do movimento dos sem-terra no Brasil. Esses grupos, os aparentemente sem poder (econômica e politicamente) estão-se tornando cada vez mais organizados e cônscios do poder que podem exercer, e de sua obrigação de agir. Enfrentam obstáculos incríveis nos recursos daqueles a quem se opõem - influência política, juízes corruptos, e força policial. No entanto, como descritos em uma das histórias, associaram-se à imagem das queixadas, javalis selvagens, o único animal a avançar junto como grupo para confrontar o perigo, rosnando e rangendo os dentes, forçando o caçador a recuar ou ser apanhado. Eles são fortalecidos por seus laços emocionais com a terra e seu forte senso de comunidade. 
Capitalism is a system that reduces human relations to a system of competition and perpetuates the growing gap between the haves and have-nots. It is a system based on conflict and unequal advantage, one in which the strong will continue to dominate. As long as we allow ourselves to succumb to this equation of human nature, we can expect that conflicts of the type discussed above will continue to appear. However, as the traditionally oppressed continue to gain consciousness and improve organization, the nature of the conflict may shift to include a more equal sense of empowerment. Throughout this process, however, it is essential that those who benefit from this system become aware of what supports their position, what is lost so they may win.
O capitalismo é um sistema que reduz as relações humanas a um sistema de competição e perpetua a crescente lacuna entre os que têm e os que não têm. É um sistema baseado em conflito e vantagem desigual, no qual o forte continuará a dominar. Enquanto nos permitirmos sucumbir a essa equação da natureza humana, poderemos esperar que conflitos do tipo discutido acima continuem a aparecer. Entretanto, à medida que os tradicionalmente oprimidos continuem a ganhar consciência e melhorem a organização, a natureza do conflito poderá mudar para incluir senso mais igual de poder. Ao longo desse processo, porém, é essencial que aqueles que se beneficiam do sistema se tornem conscientes do que sustenta sua posição, o que é perdido para que eles possam ganhar. 
Judith Hurley makes the appropriate observations and plea:
Judith Hurley faz as observações e pleito apropriados:
... People in North America and Europe have a crucial role to play in confronting the structural violence that is driving the poor in some parts of Latin America toward extreme measures. Brazilian power holders also bear responsibility, but the power centers of the Northern Hemisphere consistently buttress the ruling elites in countries like Brazil. Our governments and corporations are exacting repayment of the debt at the cost of millions of human lives. 6 Our governments, through the projects they support, continue to redistribute wealth away from the poor to the rich at a moment in history when that process has become intolerable. The World Bank finances the dams on the Uruguay River that the farmers in Erexim are protesting. It also funded the agribusiness firm that forced peasants I met in Maranhao off their land. We must use the power we have as citizens to stop the bleeding of the Third World. Key institutions like the World Bank are sensitive to public opinion. Furthermore, North American and European public opinion has a significant impact on the Brazilian ruling class. ...
... As pessoas na América do Norte e na Europa têm papel crucial a desempenhar em confrontar a violência estrutural que está impelindo os pobres em algumas partes da América Latina para medidas extremas. Os detentores do poder no Brasil também têm responsabilidade, mas os centros de poder do Hemisfério Norte sistematicamente apoiam as elites dirigentes em países como Brasil. Nossos governos e corporações estão exigindo pagamento da dívida ao custo de milhões de vidas humanas.6 Nossos governos, por meio dos projetos que apoiam, continuam a redistribuir riqueza tirando-a dos pobres para dá-la aos ricos num momento da história em que esse processo se tornou intolerável. O Banco Mundial financia as represas do Rio Uruguai contra as quais reclamam os fazendeiros em Erexim. Também financiou a firma de agronegócio que forçou os habitantes rurais que conheci no Maranhão para fora de suas terras. Temos de usar o poder que temos como cidadãos para conter a sangria do Terceiro Mundo. Instituições decisivas como o Banco Mundial são sensíveis à opinião pública. Ademais, a opinião pública estadunidense e europeia tem significativo impacto sobre a classe dominante brasileira. ... 
Notes
Notas
1. The term "revolution" will be used throughout the text, according to its formal definition as given in the dictionary, very different from a substantive, Marxist use of the term.
1. O termo "revolução" será usado ao longo do texto, de acordo com sua definição formal como dada no dicionário, muito diferente do uso marxista substantivo dele.
2. Janio Quadros was elected President and took office in January 1961. During his first few months in office, he presented Che Guevarra with the order of the Cruzeiro do Sul, Brazil's highest decoration for a non-citizen. This was seen as an openly pro-Cuban gesture which was unacceptable to many sectors, including the military. Criticism and speculation after this gesture, coupled with his unwillingness to adopt austere economic measures, led him to resign in August 1961. The legal successor was to be his Vice President, Joao Goulart, who was on a goodwill tour of the People's Republic of China at the time (indicating his ideological leanings). The military attempted to block Goulart from assuming the presidency, accusing him of awarding key union positions to "agents of international Communism." This was met by national resistance in support of Goulart's legal right to succession. The military finally agreed to let him assume office, but only after they managed to pass a constitutional amendment which changed the Brazilian political system from presidential to parliamentary, greatly reducing the power of the Executive. In 1963 a national plebiscite restored the presidential system (Skidmore, 1988).
2. Jânio Quadros foi eleito Presidente e assumiu o cargo em janeiro de 1961. Durante seus primeiros meses no cargo presenteou Che Guevarra com a ordem do Cruzeiro do Sul, a mais alta condecoração do Brasil para não-cidadãos. Isso foi visto como gesto abertamente pró-cubano, inaceitável para muitos setores, inclusive a instituição militar. Críticas e especulações depois do gesto dele, juntamente com a relutância dele em adotar medidas econômicas austeras, levaram-no a renunciar em agosto de 1961. O sucessor legal deveria ser seu Vice-Presidente, João Goulart, que estava numa viagem de boa vontade na República Popular da China à época (sugerindo suas tendências ideológicas). A instituição militar tentou impedir que Goulart assumisse a presidência, acusando-o de conceder cargos federais decisivos a "agentes do comunismo internacional." Houve resistência nacional favorável ao direito legal de Goulart à sucessão. Finalmente a instituição militar concordou em deixá-lo assumir o cargo, mas só depois de ter providenciado a aprovação de emenda constitucional que mudou o sistema político do Brasil de presidencial para parlamentar, reduzindo grandemente o poder do Executivo. Em 1963 um plebiscito nacional restaurou o sistema presidencial (Skidmore, 1988).
3. For an analysis of associated-dependent capitalist development see Fernando H. CARDOSO and Enzo FALETTO, Dependency and Development in Latin AmericaBerkeley: University of California Press. 1979. (trans. Marjory Urquidi).
3. Para análise do desenvolvimento capitalista associado-dependente ver Fernando H. CARDOSO e Enzo FALETTO, Dependência e Desenvolvimento na América Latina. Berkeley: University of California Press. 1979. (tradução. Marjory Urquidi).
4. The government allowed newspapers to fill in censored articles with recipes and poems, which would indicate to readers how much had been cut from the article - a comical and devastating policy for the military.
4. O governo pemitiu que os jornais preenchessem artigos censurados com receitas e poemas, o que indicaria para os leitores quanto havia sido cortado do artigo – política cômica e devastadora para a instituição militar.
5. "Characterizing the Brazilian people" presents an immediate problem in that Brazil is made up of very distinct social and economic classes, each characterized by very specific dynamics. Generalizing THE Brazilian people fails to bring out this essential distinction, but temporarily avoids a related and lengthy discussion in lieu of the structural limitations of this paper.
5. "Caracterizar o povo brasileiro" apresenta problema imediato pelo fato de o Brasil ser formado de classes sociais e econômicas muito distintas, cada uma caracterizada por dinâmica muito específica. Generalizar O povo brasileiro deixa de evidenciar essa distinção essencial, mas temporariamente isenta-nos de uma discussão relacionada e longa que desbordaria das limitações estruturais deste artigo. 
6. Hurley notes a UNICEF report that at least "half a million children died [in 1988] as a direct result of 'the slowing down or reversal of the development process in the 1980s.' UNICEF singles out the international debt crisis, which erupted in 1982, as a key cause of this startling reversal."
6. Hurley observa um relatório da UNICEF segundo o qual pelo menos "meio milhão de crianças morreu [em 1988] em resultado direto do 'esmorecimento ou reversão do processo de desenvolvimento nos anos 1980'. A UNICEF ressalta a crise internacional da dívida, que irrompeu em 1982, como causa decisiva dessa surpreendente reversão." 
References
Referências
Maria H.M. ALVES. State and Opposition in Military Brazil. University of Texas Press, Austin, 1985.
Maria H.M. ALVES. Estado e Oposição no Brasil MilitarUniversity of Texas Press, Austin, 1985.
AMNESTY INTERNATIONAL PUBLICATIONS. Report on Allegations of Torture in BrazilAmnesty International Publications, London, 1970.
PUBLICAÇÕES DA ANISTIA INTERNACIONAL. Relatório acerca de Alegações de Tortura no Brasil. Publicações da Anistia Internacional, Londres, 1970.
Wilfred A. BACCHUS. Mission in Mufti: Brazil's Military Regimes, 1964-1985. Greenwood Press, New York, 1990.
Wilfred A. BACCHUS. Missão em Mufti: os Regimes Militares do Brasil, 1964-1985. Greenwood Press, New York, 1990.
Fernando H. CARDOSO and Enzo FALETTO. Dependency and Development in Latin America. University of California Press, Berkeley, 1979. (translated by Marjory Mattingly Urquidi).
Fernando H. CARDOSO e Enzo FALETTO. Dependência e Desenvolvimento na América Latina. University of California Press, Berkeley, 1979. (traduzido por Marjory Mattingly Urquidi).
Alberto DINES (ed.). Os Idos de Marco e a Queda em Abril. Jose Alvaro Editor, Rio de Janeiro, 1964.
Alberto DINES (ed.). Os Idos de Março e a Queda em Abril. José Álvaro Editor, Rio de Janeiro, 1964.
Irving Louis HOROWITZ. Revolution in Brazil: Politics and Society in a Developing Nation. E.P. Dutton & Co., Inc., New York, 1964.
Irving Louis HOROWITZ. Revolução no Brasil: Política e Sociedade numa Nação em Desenvolvimento. E.P. Dutton & Co., Inc., New York, 1964.
Maria D'Alvo KINZO (ed.). Brazil: the Challenges of the 1990's. The Institute of Latin American Studies, University of London. British Academic Press, London, 1993.
Maria D'Alvo KINZO (ed.). Brasil: os Desafios dos Anos 1990. Institudo de Estudos Latino-Americanos, Universidade de Londres. British Academic Press, London, 1993.
Philip McMANUS and Gerald SCHLABACH (ed.). Relentless Persistence: Nonviolent Action in Latin America. New Society Publishers, Philadelphia. 1991. Judith HURLEY, "Brazil: A Troubled Journey to the Promised Land," pp 174-197. Mario CARVALHO DE JUSUS, "Firmeza Permanente: Labor Holds the Line in Brazil," pp 33-47.
Philip McMANUS e Gerald SCHLABACH (ed.). Persistência Inconsequente: Ação Não Violenta na América Latina. New Society Publishers, Philadelphia. 1991. Judith HURLEY, "Brasil: Viagem Agitada à Terra Prometida," pp 174-197. Mário CARVALHO DE JUSUS, "Firmeza Permanente: Trabalhadores Seguram a Situação no Brasil," pp 33-47.
Ronald M. SCHNEIDER. The Political System of Brazil: Emergence of a "Modernizing" Authoritarian Regime, 1964- 1970. Columbia University Press, New York, 1971.
Ronald M. SCHNEIDER. O Sistema Político do Brasil: Surgimento de um Regime Autoritário "Modernizador", 1964- 1970. Columbia University Press, New York, 1971.
Helio SILVA. 1964: Golpe ou Contragolpe? Editora Civilizacao Brasileira, Rio de Janeiro, 1975.
Hélio SILVA. 1964: Golpe ou Contragolpe? Editora Civilizaçãoo Brasileira, Rio de Janeiro, 1975.
Thomas E. SKIDMORE. The Politics of Military Rule in Brazil, 1964-1985. Oxford University Press, Oxford, 1988.
Thomas E. SKIDMORE. A Política do Governo Militar no Brasil, 1964-1985. Oxford University Press, Oxford, 1988.
Paul WEHR, Conflict Regulation, Westview Press, Boulder, 1979.
Paul WEHR, Regulamentação de Conflitos, Westview Press, Boulder, 1979.
Paul WEHR, Heidi BURGESS and Guy BURGESS (ed.). Justice Without Violence. Lynne Rienner Publishers, Boulder, 1994.
Paul WEHR, Heidi BURGESS e Guy BURGESS (ed.). Justiça Sem Violência. Lynne Rienner Publishers, Boulder, 1994.


No comments:

Post a Comment